Tanta leitura em Janeiro!

Tanta leitura em Janeiro!

Olá birdies!
Este post estava pronto há séculos, mas entretanto fui de férias e deixei quase tudo de lado…
Vou tentar voltar às opiniões e posts, o mais rápido possível, até porque tenho lido IMENSO!

Podem ver os livros/mangas que li durante o mês de Janeiro e se quiserem saber a opinião de algum… bem… neste post são apenas dois, os que têm opinião. Oops hehe. Cá estão eles.

Archer’s Voice, de Mia Sheridan
If There’s No Tomorrow, de Jennifer L. Armentrout

7397033 2974927-42727+v02_front 2974935-42727+v03_front d2.hfVMb7G5 2974947-42727+v05_front 2974949-42727+v06_front 3253809-07 2974978-42727+v08_front 2974984-42727+v09_front 2974992-42727+v10_front.jpg 3253810-11 3253811-12 4457056-13.jpg 4457057-14.jpg 4457058-15 4457060-16 4457061-17 18 4944103-19 34619489      29396738 Monstress_Vol02-1 stories-from-hogwarts-ebook-2 9781781106297_large 33565931 30062042.jpg coverav 30371085 34705671 17455811 17455585 17455815 Resultado de imagem para every last breath 33998316.jpg 26721568

Mas AMEI algumas das leituras! Até já estão na lista de melhores do ano 2018!
Esperemos que tenha muitos mais na lista!

Little peck ~

Anúncios
If There’s No Tomorrow, de Jennifer L. Armentrout

If There’s No Tomorrow, de Jennifer L. Armentrout

Caraças que livro! Não estava nada à espera! I was literally in pain!
27294556_1596138720465562_1807509784_n.jpg
Info do livro.png

Autora: Jennifer L. Armentrout
Editora: Harlequin Teen
ISBN13: 9780373212224

– Sinopse (ENG) – 
A single choice can change everything.

Lena Wise is always looking forward to tomorrow, especially at the start of her senior year. She’s ready to pack in as much friend time as possible, to finish college applications, and to maybe let her childhood best friend Sebastian know how she really feels about him. For Lena, the upcoming year is going to be epic—one of opportunities and chances.
Until one choice, one moment, destroys everything.
Now Lena isn’t looking forward to tomorrow. Not when friend time may never be the same. Not when college applications feel all but impossible. Not when Sebastian might never forgive her for what happened.
For what she let happen.
With the guilt growing each day, Lena knows that her only hope is to move on. But how can she move on when she and her friends’ entire existences have been redefined? How can she move on when tomorrow isn’t even guaranteed?

Opinião.png
– Sem spoiler –

Basta apenas um segundo. Uma decisão. Uma escolha errada. E tudo desmonora. É literalmente isto que este livro, nos quer fazer pensar. Que em segundos a nossa vida pode mudar radicalmente. Que tudo o que conhecemos, tudo o que imaginamos, tudo o que sonhamos para o nosso futuro, pode desaparecer.

O livro informa-nos de escolhas que todos nós já fizemos, pelo menos, uma vez na vida. De comportamentos que adoptamos e que pensamos sempre “ah a mim não vai acontecer nada”. Quantas vezes não ouvimos alguém a alertar-nos e a dizer “atenção que não é só aos outros que acontece”?

Lena, a protagonista, fez uma escolha. E essa escolha abalou não só a sua vida, mas a de todos ao seu redor. E ela simplesmente não consegue sequer pensar em seguir em frente, porque ela deixou algo de terrível acontecer. Ela sente-se culpada. Sente que não tem qualquer direito a ser feliz de novo.

I didn’t know how I was supposed to feel, how I was supposed to move on from this point, but I knew I didn’t deserve something good like this.”

O livro foca na forma como ela volta a tentar viver, com ajuda, passo a passo e como ela começa a tentar reconstruir amizades.

“I knew I couldn’t go back and start a new beginning. I couldn’t rewrite the middle. All I could do was change tomorrow, as long as I had one.”

É um livro tão forte, tão autêntico, com uma narrativa tão poderosa. Não é apenas mais uma história. É literalmente, o que acontece todos os dias, em diversas partes do mundo. É real!
A autora conseguiu com que eu repensasse em coisas que supostamente são de senso comum. Eu chorei e chorei e o meu coração estava literalmente em frangalhos.
Assustados? Don’t worry. Apesar de tudo, temos um romance super doce, super fofo, super lindo!
27292059_1596138740465560_673662098_n

– Com spoiler –
Lena, a protagonista, meteu-se no carro com quatro amigos, depois de saírem de uma festa onde houve algumas bebidas envolvidas. No momento seguinte, ela acorda numa cama de hospital, completamente enfaixada e descobre que foi vítima de um acidente de carro onde os seus quatro amigos… morreram. O pior de tudo? Guilt’s survivor. A tal culpa do sobrevivente. Ela culpa-se pela morte dos amigos. Culpa-se porque sabia que poderia ter evitado o pior.

27157166_1595173760562058_2050807008_n.jpg
Conseguem imaginar a dor e os pensamentos que não lhe passarão na cabeça? É nisso que a narrativa se foca. Na recuperação dela, tanto a nível físico quanto emocional, em como ela lida com as perdas que sofreu e a culpa que carrega consigo. Ela SABE que o que aconteceu é real mas não consegue arranjar forças para ACEITAR essa mesma realidade. E então, ela tenta afastar tudo e todos. Porque pensa que não tem qualquer direito a ser novamente feliz. A avançar com a sua vida.

Mas graças a Deus, ela sempre teve a família a apoiá-la. E o melhor amigo, Sebastian, que é a coisa mais linda (panca com olhos azuis, tá?) e doce à face da Terra, com a sua paciência infinita.

“I’m not leaving. You can get mad. You can get upset, but I’m staying right here, because whether you realize it or not, you shouldn’t be alone. I’m not going anywhere.” 

É um livro forte mas aconselho a todos, a lerem-no!

5 stars.png                                    Book Depository | Amazon UK

Koe no Katashi / A Silent Voice | Opinião

Koe no Katashi / A Silent Voice | Opinião

Olá my little birdies!
Hoje venho-vos trazer a opinião sobre um filme que mexeu muito comigo – Koe no Katashi – um filme de animação japonês.

738176.png
Sinopse A história também conhecido como A Silent Voice “gira em torno de Shōko Nishimiya, que sofre de surdez.
Quando ela se transfere para uma nova escola, Ishida e o resto da turma, começam a fazer bullying para com ela. No entanto, quando a mãe da menina notifica a escola, ele é identificado e culpado por tudo o que foi feito. Shōko acaba por mudar de escola  e Ishida é completamente condenado ao ostracismo durante todo o ensino básico e secundário, enquanto professores fingem que não vêem.
Agora, no 12º ano, Ishida ainda atormentado com os erros que cometeu quando era mais jovem e sinceramente arrependido das suas acções passadas, entra numa jornada de redenção.

Opinião Eh pah… Eu não consigo vos explicar o que este filme significou para mim. Eu sabia que seria algo de mais forte e dramático, mas fui naquela onda de shoujo que amo. Não poderia estar mais enganada!
Primeiro de tudo, focou em algo que passou a fazer um bocadinho parte da minha vida e ao qual passei a dar alguma atenção (apesar de não tanta quanto deveria). Falo da parte da surdez da protagonista.
AMEI AMEI AMEI ver como usaram língua gestual japonesa no anime! Sempre que vejo algo com língua gestual fico com vontade de aprender!

E outro grande plus foi que …. este não é o típico “ai vou me desculpar e já está”. Não….. este filme mostra de uma certa forma as cicatrizes que comportamentos e palavras deixam na vida das pessoas – neste caso, tanto na vítima, como no agressor.
Ele acaba completamente isolado e depressivo, a ouvir vozes na cabeça, vozes essas que  pensa que são dos colegas a falar mal dele e isso fez com que ele não conseguisse olhar para a cara de ninguém. Ela, por outro lado, apesar de mostrar sorrisos e momentos que supostamente consideramos felizes, acaba por nos fazer ver que também ela sofre de depressão, que se odeia a si mesma e à sua surdez. E acreditem! Foi doloroso! Ela sorria SEMPRE. Até quando percebia que a punham de lado. Até quando gozavam com ela. ELA SORRIA. Era horrível… Apertou-me mesmo o coração. Até porque depois percebemos o que ela realmente escondia atrás dos sorrisos.

E a situação deles é algo TÃO IMPORTANTE hoje em dia! Porque vemos os dois lados da moeda! Vemos dois lados da depressão! Vemos que realmente a depressão não tem cara! Por isso, temos de ter cuidado com o que dizemos e falamos. Temos de tentar entender, tentar ter mais compaixão, tentar ser algo melhor! Não só para os outros mas também connosco mesmos!

Esta história é linda e maravilhosa porque mostra-nos como apesar de anos e anos se passarem, ainda é possível uma redenção. Ainda é possível alcançarmos uma espécie de felicidade. Ainda é possível obtermos perdão e perdoarmos. Ainda é possível….

Fiquem com um amv que achei lindo! Mas atenção…. contém spoilers!

7 músicas Disney que me levam até à Terra do Nunca

7 músicas Disney que me levam até à Terra do Nunca

951b676deef5d619340ff8ace8249500

Para que fiquem a saber… Eu sou uma HUGE FAN of Disney.
Gosto muito mais dos clássicos originais, mas também amo alguns dos últimos filmes que saíram há relativamente “pouco” tempo – Moana, my baby!

O objectivo deste post era TENTAR escolher 7 músicas que mais me marcaram e continuam a marcar. O único problema é que é SUPER DIFÍCIL de escolher porque a Disney faz masterpieces e eu amo tantas! Por exemplo, de momento estou a ouvir uma do Rei Leão e está a dar-me calafrios! Claro que muitas vão ser as músicas mais conhecidas de cada filme. SorryNotSorry.
As versões que vou colocar, são as que eu me habituei a ouvir e nada mudará o meu amor por elas!

1↡ Pequena Sereia – Parte do Seu Mundo (versão PT-BR 1989)
Tinha de começar com a minha princesa favorita… Ariel… Ainda tenho a VHS! E acho que foi das primeiras músicas que decorei!
Puro amor!

2↡ Rei Leão – Somos Um (Versão PT-PT)
Esta música tem um significado especial para mim, desde que associei a letra da música à melhor parte da minha vida. Sou filha de um REI.

3↡ Corcunda de Notre Dame – Longe do Mundo (Versão PT-PT – Sara Tavares)
Esta música é LINDA! Tem tanto significado e a voz maravilhosa da Sara ainda mais poder lhe dá!

4↡ Rei Leão – Circle of Life (Versão Inglesa)
Mas quem é que não se arrepia quando ouve esta música? É só uma das músicas mais icónicas e LINDAS de todos os filmes Disney!

5↡ Beauty and the Beast – Tale as Old as Time (Versão Inglesa)
Claro, só podia né hahaha! O mais engraçado é que apesar de não ser a minha princesa favorita, revejo-me muito nela!

6↡ Moana – I am Moana (Versão Inglesa)
Acho que não sou a única a dizer que este é dos melhores filmes que a Disney fez nos últimos anos, né?
AS MÚSICAS! ESTOU TODA ARGGGGH QUE AMOR!

7↡ Pocahontas – Colors of the Wind (Versão Inglesa)
Querem chapada maior que esta? E continua a ser super realista nos dias de hoje! Acho que precisamos de começar a pensar menos no nosso umbigo e começar a apreciar as coisas que temos ao nosso redor!

Bónus!
↡ Enchanted – That’s How You Know
Esta música é tão alegre e viciante! Alguém me desenhe como princesa hahahah

I am forever Peter Pan!

Desfecho | Maratona Literária Outono-Inverno 2017

Desfecho | Maratona Literária Outono-Inverno 2017

 10 desafios gerais

18660447 o-inferno-de-gabriel 18081477 TSA_cover coverav 17455811 31804840 35384837     350x CAPA-o-erroO-jogof9f080ecb67880afa2a00ae3011d36c7--yumemiru-taiyou-anime-orange dengeki-daisy-600-1487354.jpg9781781106297_large 33565931.jpg
1) Ler um livro que te faça, por algum motivo, lembrar a escola – The Fill-In Boyfriend, de Kasie West
Páginas lidas: 346

2) Ler um livro cuja capa tenha tons escuros.
1ª voltaO Inferno de Gabriel, de Sylvain Reynard
Páginas lidas: 512
2ªvoltaO Julgamento de Gabriel, de Sylvain Reynard
Páginas lidas: 400

3) Ler um livro de contosTales from the Shadowhunter Academy, de Cassandra Clare+
Páginas lidas: 672

4) Pedir a alguém para escolher um livro para leres
1ª volta
–  Archer’s Voice, de Mia Sheridan
Páginas lidas: 345
2ª volta – Bitter Sweet Love, de J. L. Armentrout
Páginas lidas: 105

5) Ler um livro que tenha uma adaptação cinematográfica (ou que vai ser adaptado ao cinema) – Se possível, vê o filme a seguirTudo, Tudo… E Nós, de Nicola Yoon.
Páginas lidas: 320
Não vi o filme inteiro.

6) Ler um livro que queiras acabar antes de 2017 terminar.
1ª voltaPonto Sem Retorno, de Gabriela Simões.
Páginas lidas: 93 páginas
2ª voltaUm Mais Um, de Jojo Moyes
Páginas lidas: 424

7) Ler um livro que tenhas há mais de 1 ano na estante (ou ler o último livro que compraste).
1ª volta O Erro, de Elle Kennedy
Páginas lidas: 368
2ª volta – O Jogo, de Elle Kennedy
Páginas lidas: 296

8) Ler uma Graphic Novel, Banda Desenhada, Mangá.
1ª voltaOrange, de Ichigo Takano.
Páginas lidas: Vol.1+Vol.2 – 523+523 = 1,046
2ª volta – Dengeki Daisy, de Kyousuke Motomi
Páginas lidas: Vol. 11 ao 16 – 192*6= 1,152

9) Ler um livro escrito por alguém que admires (ou sobre alguém que admires) – Short Stories from Hogwarts of Power, Politics and Pesky Poltergeists, de J.K. Rowling
Páginas lidas: 71

10) Ler um livro de não-ficção – Tá Gravando. E Agora?, de Kéfera Buchmann
Páginas lidas: 112

5 desafios relacionados com o Halloween
29396738 Monstress_Vol02-1 30371085 34705671 4944103-19 CAPA-O-Acordo 36612267.jpg 13455782.jpg

1) Ler um livro de horror/terror
1ª volta – Monstress, Vol. 1: Awakening, de  Marjorie M. Liu
Páginas lidas: 202
2ª volta – Monstress, Vol. 2: The Blood, de Marjorie M. Liu
Páginas lidas: 152

2) Ler um policial.
1ª volta – Sherlock Holmes: A Study in Pink, de Steven Moffat and  Mark Gatiss
Páginas lidas: 208
2ª volta – Sherlock Holmes: The Blind Banker, de Steven Moffat and  Mark Gatiss
Páginas lidas: 208

3) Ler um livro cujo tamanho te assuste – Watashi ni xx shinasai!, de  Ema Tōyama
Páginas lidas: 19 vols*160= 3,040

4) Ler um livro cujo título esteja escrito a vermelho.
1ª voltaO Acordo, de Elle Kennedy
Páginas lidas: 444
2ª volta – Antes que seja tarde, de Margarida Rebelo Pinto
Páginas lidas: 267

5) Ler um livro cujo nome do autor seja difícil de pronunciar – Shatter Me, de Tahereh Mafi
Páginas lidas: 338

5 desafios relacionados com o Natal

Baixar-Livro-Uma-Noite-Para-Se-Entregar-Spindle-Cove-Vol-1-Tessa-Dare-em-PDF-ePub-e-Mobi-ou-ler-online uma-semana-para-perder A-Reden-C3-A7-C3-A3o-de-Gabriel 28262024.jpg images stories-from-hogwarts-ebook-2

1) O Natal é uma época bonita, onde o conforto é procurado, especialmente devido ao frio que se sente lá fora. Lê um livro que achas que te possa trazer conforto.
1ª voltaUma noite para se entregar, de Tessa Dare
Páginas lidas: 320
2ª voltaUma semana para se perder, de Tessa Dare
Páginas lidas: 320

2) Ler um livro que te ofereceram num Natal ou que gostarias que te tivessem oferecido – A Redenção de Gabriel, de Sylvain Reynard
Páginas lidas: 480

3) Ler um livro que te faça lembrar a família – The Goal, de Elle Kennedy
Páginas lidas: 350

4) Ler um livro com a cor branca na capaComo se Casar com um Marquês, de Julia Quinn
Páginas lidas: 320

5) Ler um livro com menos de 100 páginas – Short Stories from Hogwarts of Heroism, Hardship and Dangerous Hobbies, de J.K. Rowling
Páginas lidas: 71

5 Desafios extra Instagram/Facebook
(cada desafio extra vale + 10 páginas):

1) Escrever a opinião de um dos livros que leste na maratona – Os livros com opinião estão “linkados” – + 10 páginas

2) Desafio extra para o Halloween – Sair vestido como uma personagem de um livro que já leram – Tirar foto e postar.
25437430_10214780634820235_1352259303_n.jpg

3) Colocar o livro que andam a ler na árvore de natal, como se fosse uma bola decorativa (ou, quem sabe, a estrela) – Tirar foto e postar.

4) Falar da maratona e de um livro a alguém e tirar uma foto com essa pessoa.

5) Tirar uma foto de pijama/robe com o livro que estão a ler – + 10 páginas
26794182_1583467998399301_1609323009_n.png– Opinião –

Beeeeeeem…. fazendo as contas…. 13 012 páginas? Gulps…. E nem coloquei um outro livro que li até quase ao final ><
Acho que tenho de acalmar hahahha

WOW! Estou super feliz e espantada comigo mesma!
Foi a primeira vez que terminei uma maratona (tirando aqueles dois extra unf), e DANG eu li imenso! É que li mais que o que pude usar na maratona hahaha!
Só isso foi um enorme PLUS! E claro, ter o incentivo de todas as participantes e vê-las a ler livros maravilhosos, só me fez querer ler mais e mais! Quero já a próxima!
Quem quiser, pode ver o vídeo que publiquei no canal! Se gostarem, subscrevam!

OST de KDramas favoritos

OST de KDramas favoritos

Do nada, e como sempre, apeteceu-me rever OST de dramas coreanos que amo. E depois pensei… porque não fazer um post com algumas músicas? Pode ser que algumas pessoas não conheçam dramas mais antigos, por serem novas no mundo ou assim, e quem sabe os vídeos possam gerar alguma curiosidade…

Mas depois veio a parte difícil… Quais colocar! Porque possivelmente vão me falar de alguns que eu vou ficar siiiiiiiim, também ameiiiiii…… mas não posso colocar tudo, infelizmente.
Então seleccionei algumas e voilá!
Ah! Não vou colocar sinopses, nem contar história. Simplesmente o vídeo e um breve comentário!

Let’s start!

1 . Dream High
Este é capaz de ter sido um dos meus primeiros kdramas, com um elenco cheio de idols! Foi o que lançou a Susy para a ribalta, o que me fez prestar atenção na IU e o que me fez apaixonar pelo Kim Soo Hyun. Dang que bom actor! Depois deste, vieram muitos outros dramas com ele, que se tornaram favoritos!

2. The Moon That Embraces The Sun
Não disse? Cá está ele. O meu drama preferido, um dos únicos históricos que não tem um rei fraco! E o primeiro que abriu as portas para os múltiplos episódios por dia (neste caso, oito num dia, o que para mim, na altura, foi imenso!)
Mas querem saber uma coisa? Este drama tocou-me tanto que ainda hoje não consigo ouvir a música completamente. Começo a querer chorar e a garganta a apertar.

3. The Master’s Sun
Outro drama favorito! Podia colocar imensas músicas aqui! E claro uma delas seria a da Hyorin (MARAVILHOSA), mas decidi ir pela minha segunda fave do drama.
Este drama é awesome! E esta música tem uma melodia lindíssima. Há algumas cantoras que fazem osts fantásticas e a Gummy é uma delas!  꺼져!

4. Kill Me, Heal Me
HANDS DOWN TO ONE OF THE BEST KDRAMAS EVER! Excelente, soberba, fantástica actuação do Ji Sung! História de cortar a respiração, acontecimentos de nos fazer ficar de olho arregalado… aiiigoooo!
E claro, a música é aquela junção de dois estilos que eu amo… *suspira*

5. Who Are You: School 2015
Quase não conseguia escolher uma música deste kdrama. Isto porque a OST é muito boa! Tenho 3 músicas favoritas e não foi fácil T_T
Mais um drama que aconselho vivamente. Grande actuação da Kim So Hyun que faz papel de gémeas. Importantíssimas lições que aprendemos!

6. Mimi
Infelizmente penso que este kdrama não ficou muito conhecido. A história é muito bonita e triste e só de relembrar partes, vieram as lágrimas. Juntem a história à voz mágica da Wendy e pronto… feels!

7. Heartstrings
Okok! Eu sei! Não é OST oficial! Não existe mesmo uma versão desta música cantada por ESTE actor, (deviam de ter feito. Apaixonaram o meu coração de fã e depois deixaram-no à deriva. Não se faz.), mas amooooo!
Eu gosto muito de músicas com instrumentos tradicionais. E apesar do drama não ter sido “aquilo tudoooo”, eu penso imensas vezes nele ><

Eh pah eu estava a tentar colocar vídeos de músicas de kdramas mais antigos, mas ando tão vidrada nesta música que………
BÓNUS!!! While You Were Sleeping!
Esta músicaaaaa! E claro Lee Jong Suk e Susy! Grande enredo, grandes actores, AWESOME DRAMA!

Gostaram? Hope so!
E se não viram nenhum…. DE QUE ESTÃO À ESPERA?

Archer’s Voice, de Mia Sheridan | Opinião

Archer’s Voice, de Mia Sheridan | Opinião

coveravTítulo Original: Archer’s Voice
Autora: Mia Sheridan
ISBN13: 9781538727379
Páginas: 345
Estrelas: 5/5

– Sinopse – 

Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Baseado na mitologia de Sagitário, A voz do arqueiro é uma história sobre o poder transformador do amor. Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar. Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde. Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda. Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.

– Opinião – 
Vamos por pontos que isto foi tão EXCELENTE que eu nem sei por onde começar!

1. Começamos com o clichézinho da menina que foge da cidade onde vive por causa de um trauma e acaba numa cidadezinha junto a um lago, num chalet. AMO. ADORO. CLICHÉ MAGNÍFICO e estou mesmo a falar a sério. Quero um dia ir a um local assim, de férias!

2. OH MY NÃO POSSO CRER QUE O PERSONAGEM PRINCIPAL É MUDO!
Ai amoooooooooooo! Só o facto de falarem por língua gestual e arggggghhhhhh!

3. Para além de ser mudo, ELE É LINDO! Ok, normalmente são todos lindos, mas caraças, ele não é lindo apenas por fora. Ele é tão lindo por dentro… sério, só de pensar me vêm as lágrimas e o meu coração enche-se de amor. É tão fofo. Tão inocente. E sim, estou a falar de um homem de 23 anos.
O que nos leva ao ponto a seguir.

4. Sabem as histórias em que o homem é quem ensina e mostra o mundo à mulher. Em que ela está partida, a necessitar de cura emocional e ele está lá para ela? Bem, podem riscar parte disso. Sim, ela está partida. Sim, ela necessita de cura. Mas ele também está partido. Ele também necessita de cura. Ele que não tem contacto humano, carinho humano desde os 7 anos de idade. Ele que desde esses mesmo 7 anos viveu com o tio paranóico até aos seus 19 anos. Então, ele é um menino homem que nem um primeiro beijo deu. E eu acho LINDA a evolução da relação dos dois. Como ambos se completam, e curam.

Este livro é sobre isso mesmo. Sobre segredos, vingança, manipulação, esperança, superação, cura, amizade e amor.
É um dos favoritos já!